domingo, 24 de junho de 2007

... What now?...


«Semina arenæ mandare.»
Semear na areia...
Seeding on sand...

RIC

4 comentários:

Catatau disse...

Quem semeia ventos, pode colher tempestadas, mas ele há semeaduras e semea(duras)... Se a areia estiver tão fértil como os celebrados campos de masseiras que se estendem da Póvoa até à Apúlia,... ejejejejej. ;)

RIC disse...

Olá João M.!
É o mais certo, sim... Mas semear em dunas não me parece nada inteligente, com ou sem vento...
Mais uma aprendizagem que eu tenho de fazer...
Abraço!

Tongzhi disse...

Eu devo estar o xéréré ou louro!
Mas afinal de que "semeadura" falam vocês???
O que eu vejo são "bumbuns" :) :) :)

Ai Ric, tu estás a ficar melhor que a "encomenda", como dizia a minha avó!!!!!!!!

RIC disse...

Olá Tongzhi!
Já é a segunda vez que me vens com essa da «encomenda»!!! Qual é a tua?! Tens alguma coisa contra discursos pouco óbvios?! Cada um lê, vê e interpreta como lhe der na realíssima gana, caraças! Se tu só queres ver os cuzinhos redondinhos e bonitinhos, à voontade! Be my guest! Mas, por favor, deixa os outros exercerem a sua imaginação!
E se eu quiser ver dunas?! Terei de ser despachado como «encomenda»?!
Racionalismo a mais também é pernicioso, sabias? Rsrsrs!
Abraço! :-)