segunda-feira, 28 de maio de 2007

«Nella Fantasia»…



Nella fantasia io vedo un mondo giusto,
Li tutti vivono in pace e in onestà.
Io sogno d'anime che sono sempre libere,
Come le nuvole che volano,
Pien' d'umanità in fondo all'anima.

Nella fantasia io vedo un mondo chiaro,
Li anche la notte è meno oscura.
Io sogno d'anime che sono sempre libere,
Come le nuvole che volano.
(Nella fantasia io vedo un mondo chiaro.)

Nella fantasia esiste un vento caldo,
Che soffia sulle città, come amico.
Io sogno d'anime che sono sempre libere,
Come le nuvole che volano,
Pien' d'umanità in fondo all'anima.

Russell Watson












Una settimana di Maggio dovrà cominciare il meglio possibile!
È importantissimo quello che sentiamo, ma anche quello che vediamo…

Right!… A week of May should start the best way possible!
It's quite important what one listens to, but also what one watches…
So have a fantabulous week!

RIC

14 comentários:

JoeL disse...

Nice place.

Although I didn't understand a word he said.

We here, in Canada, get bombarded by signer who sing pop opera. So I'm a bit tired of the genre.

But thanks for the views. My course will be at the botanical gardens. I can't wait.

RIC disse...

Hello dear Joel!
Yes, it's a very nice place indeed! As to the lyrics, you can easily find the English translation. I didn't post it because it's really easy to get it.
Studying at the botanical gardens is quite a privilege, I'd say! Congrats! I wish you all the best!
:-)

Catatau disse...

Hum... se não te importas, esta eu passo, he he he...

Um abraço.

Oz disse...

Ora, nem mais.
Abraço.

Lover disse...

Thanks! Obrigado pelo desejo de boa semana, lol! Agradeço ainda a música, ao contrário do que li nos teus comentários, aprecio este genéro de música, aliás é daqueles que me consegue deixar o pensamente a voar... De vez em quando, sabe bem realizar tal proeza...lolol! A música é bonita e o Russel é fantástico, tem uma das grandes vozes da actualidade no seu género... Não é todos os dias que assistimos a um americano, cantando em inglês... Gostei!

RIC disse...

Passas à vontade o que muito bem entenderes e assim te aprouver, João M.!
Obrigado pela visita!
Abraço! :-)

RIC disse...

«Grazie mille», caro Oz!
Abraço! :-)

RIC disse...

Olá Lover!
Bem, já não estou completamente sozinho... Obrigado pela coincidência do gosto! O que já vem de trás, no teu blogue!
Quanto a Watson, além de tudo o mais (rsrsrs!), parece-me ser uma das melhores vozes desta mais recente fornada de «tenores pop». Pouco me importam as etiquetas e os consumismos que fomntam; interessam-me apenas as vozes, o trabalho e as melodias. E este menino tem feito uma bela caminhada, apesar dos revezes de saúde.
Quanto à nacionalidade, meu caro Lover, fica aqui o reparo: «Watson was born on 24 November 1966 in Salford, Greater Manchester, England.» A verdade é para ser dita...
Ainda bem que te agradou! Fico feliz!
Um abraço e uma boa semana para ti! :-)

Bernardo Moura disse...

Excelente video!
Belas imagens acompanhadas de boa música!
Abraço

RIC disse...

Olá Bernardo!
Ainda bem que te agradaram! Fico muito contente com isso, ainda que o teu entusiasmo me pareça... «meio desmedido»...
Boa semana!
Um abraço! :-)

Shadow disse...

Hum...Muito agradável ao ouvido.Tanto a voz como a melodia. Obrigada por estes minutos de (boa) música!
Quanto a outros atributos de Russel, pois...:-)


Uma excelente semana para ti!
Beijinhos.

RIC disse...

Olá Carla!
Bem, não é que esteja aqui para dar música ao pessoal, mas se o pessoal fica agradado com a música que lhe dou, tanto melhor.
A minha ideia inicial tem mais a ver com a forte carga imaginosa da canção, sobretudo nos dias de hoje...
Quanto ao rapazinho, ficamos (muito bem!) entendidos... Rsrsrs!
Para ti também, uma óptima semana!
Beijinhos! :-)

pinguim disse...

Caro Ric
isto é uma novidade ou estarei enganado?
Um post teu com um tema musical, e logo, não clássico?
Embora não particularmente muito conhecedor da voz de Russel, devo admitir que é uma voz poderosa num belo tema e que o vídeo é excelente.
Abraço.

RIC disse...

Olá João C.!
Bem, para mim não é... Mas acredito que para outros possa ser... Rsrsrs!
O que me impedia de usar o YouTube era um pormenor técnico que entretanto consegui descobrir e resolver. Quanto ao género, nem só de pão vive o homem... E como sou de telhas e venetas, de vez em quando mudo de género musical. De momento, acho que estou numa de pop revivalista (anos 70 e 80).
Ele tem uma excelente voz e trabalhou-a bastante: nota-se tanto nas gravações como nos espectáculos ao vivo.
Obrigado!
Um abraço! :-)